• FIM
  • R.I.P

quarta-feira, 2 de junho de 2010

On The Dawn Of A Title

Será legítimo pensar, que se eu amar, tenho sexo até me fartar?
Ou antes pelo contrário, todo o otário que acasalar, por se ter deixado apanhar, cativado pela palavra amar, tem uma vida sexual semelhante à de um sedentário?
Mas se efectivamente assim for, e for mesmo necessário amor, para do sexo poder plenamente desfrutar?
Quer isso dizer que sem amor, o sexo não tem fervor, ou é apenas a brincar?
Sexo por sexo não tem nexo, é o que todo os que amam pregam, quando por acidente cegam e mais ninguém conseguem ter
Quem não ama não reclama, tem prazer enquanto há chama, apenas divide a cama e nada mais tem oferecer
Se eu nunca tiver amor, a vida não tem sabor, e o sexo não tem verdade
Se eu um dia amar alguém, se for essa a vontade que de Deus provém, o sexo perde toda a vontade.

2 comentários:

Tindergirl disse...

Quem me dera saber as respostas para essas perguntas :)

joaninha versus escaravelho disse...

Tindergirl, deixa-te chegar à minha idade e vais ver como estas respostas são simples. :)