• FIM
  • R.I.P

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

All We Got To Do Is Surrender

- Não sei como é que hei-de ir vestido logo à noite! Babe, ajuda-me aí, dá-me lá a tua opinião.
- Queres mesmo a minha opinião?
- Se te estou a pedir a opinião é porque a quero não é?
- Bom, por que é que não vais com aquela cena verde?
- Não, de verde não! Se for de verde, não sei porquê, mas dá-me sempre a sede...
- E aquela roupa vermelha que tens? Vestes poucas vezes essa não é?
- Sim, porque sempre que me visto de vermelho, estupidamente começa a doer-me o joelho!
- E a roupa azul?
- Impossível ir de azul hoje! Só decido ir de azul quando tenho de ir para o sul.
- Olha! Então por que é que não vais de amarelo, ou de laranja?
- Porque o amarelo faz com que me deixe de sentir belo e com o laranja fico com os nervos em franja!
- Chiça! Vai de roxo...
- Sempre que me visto de roxo, inevitavelmente acabo por ficar chocho.
- Faz como o Benfica e usa um equipamento alternativo, vai de cor-de-rosa.
- Sabes perfeitamente que vestido de cor de rosa não consigo sequer estabelecer uma prosa!
- E de branco?
- De branco não consigo, de forma nenhuma, ser franco...
- Eu não disse que isto não ia resultar? Pronto, vai de Preto, que se lixe
- O preto faz-me sentir obsoleto
- Não acredito! E de castanho...
- De castanho! Da última vez que fui de castanho arranjei uma bronca de todo o tamanho!
- Bom...Ultima hipótese! Vai de cinzento.
- Dasss....Cinzento é a cor do jumento!
- Então vai nu. Nu és mesmo tu, de certeza que ninguém te pode apontar nada. Não podes ser nem mais nem menos do tu. Vai nu...

2 comentários:

joaninha versus escaravelho disse...

Faltava a cor de burro quando foge.

AP disse...

Pois, mas o problema é que depois não há quem me aloje! ;)