• FIM
  • R.I.P

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Conselho e rapé só se dá a quem quer

- Eh Zé? Parece que levas brasas nos pés! Para onde é que caminhas com tanta pressa rapaz?

- Deixa-me cá mas é! Tenho de ir resolver um problema e já estou atrasado. Vou agora apanhar o caminho da perfeição…

- Não sejas tonto Zé! Porque é que não segues antes pelo caminho da felicidade que é mais bonito e tudo? Ainda por cima agora, nesta altura do ano, está tudo cheio de cores…

- Pelo caminho da felicidade? Qual é que é a diferença? É na mesma direcção, são paralelos! Eu estou a vê-lo agora daqui, até lhe posso acenar se quiser! Alias, vou a vê-lo o tempo todo, está sempre ali, mesmo ao meu lado…

- Mas não se cruzam nunca! Pois com certeza que podes ir por aí! E se calhar até é mais perfeitinha a paisagem! Mas o que é que te interessa ir a olhar sempre para o lado para ver a paisagem? Tu tens de olhar em frente, fazer parte da paisagem! Para a frente é que é caminho Zé! Não sejas tonto pá…Segue o caminho da felicidade…

- Sabes, eu já fiz essa estrada uma vez, percebo aquilo que queres dizer…Já sei que a vista é tão bonita que se fechar os olhos, consigo de imediato imaginar que faço parte do caminho, que sou parte integrante da paisagem! Consigo, por momentos, imaginar que todas as pessoas que vão por ali estão, nesse preciso momento, a imaginar também que fazem parte do caminho...Quando segui esse caminho, em momento algum olhei sequer para o lado, nem duvidas tive! É um caminho muito envolvente, mas muito exaustivo! Faz-se uma boa viagem, é certo, mas não se descansa nada! Prefiro ir agora por aqui, ouvi dizer que a estrada é melhor, que está perfeita…Já se sabe como é não é? À medida que a idade vai avançando, a rebeldia da juventude começa é a querer sopas e descanso… E, a bem da verdade, diga-se, acho que as minhas costas não aguentam esse caminho outra vez!

- Olha que não Zé, olha que não…A estrada até pode estar melhor, mas não é a mesma coisa, não se tem tanto prazer na viagem como se tem na outra, e olha que o caminho ainda é longo! Mas tu é que sabes Zé…Meu bom amigo, se queres ir pelo caminho da perfeição, só te posso desejar boa sorte e boa viagem…AH, e antes que me esqueça, ali mais para a frente, não se me recorda agora bem onde, cuidado com o cruzamento entre o caminho da estupidez e o caminho do egoísmo! Eu sei que te apresentas pela direita do egoísmo e tens prioridade sobre ele, mas quer-me parecer que a estupidez se apresenta pela tua direita, e olha que vêm cá com uma bisga os que vêm desse caminho, é preciso ter um cuidado do caraças…

- Olha-me esta! Estás mesmo a ficar gagá! Então os caminhos são paralelos! A estupidez e o egoísmo cruzam-se também com a felicidade…Eu vou-me mas é embora que agora ainda estou mais atrasado. Até mais logo…

- Até mais logo, boa viagem…

2 comentários:

Nawita disse...

Não sei se o caminho que sigo é o mais perfeito, gosto de pensar que sou perfeita na minha imperfeição, assim como o meu caminho, é aí reside a minha felicidade!
Gostei muito deste texto!

joaninha versus escaravelho disse...

Eu já não sigo caminhos.
Deixo-me ir aonde a vida me leva.
:)